Ruas de Konoha

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo
AutorMensagem
Wanderer - Rank B
Wanderer - Rank B

avatar


O meu nome é
Hiroshi


Mensagens : 11477
Data de inscrição : 20/12/2009
Idade : 26



Ficha do personagem
Vida Vida:
410/1000  (410/1000)
Chakra Chakra:
180/500  (180/500)
Stamina Stamina:
200/500  (200/500)

MensagemAssunto: Ruas de Konoha Qua Set 12, 2012 8:11 pm


As ruas de Konoha, local onde pode esbarrar com shinobis e civis de Konoha. Ninjas atentos podem avistar vultos dos anbus passando pelos telhados das casas durante a noite.





Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gennin - Konoha
Gennin - Konoha

avatar


O meu nome é
Aburame Yakashi


Mensagens : 362
Data de inscrição : 03/06/2010



Ficha do personagem
Vida Vida:
170/1000  (170/1000)
Chakra Chakra:
70/500  (70/500)
Stamina Stamina:
60/500  (60/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Sex Nov 02, 2012 3:09 pm

#Off: continuação da missão:#

http://www.ss-narutorpg.com/t8968-missao-rank-duchiha-yasushi-rikudo-keitaro

Após ter esperado um pouco por Keitarou, este apareceu finalmente perto dele, que o deixou mais aliviado por não ter demorado assim tanto tempo. De seguida, andaram por toda a Konoha à procura da casa da Obaa-Chan e conseguiu finalmente encontrar a casa. A casa era muito diferente das outras, porque era muito antiga e tinha uma pinturas estranhas. Após terem chegado, o Uchiha bate à porta e aparece lá a tal de Obaa-Chan. Era uma idosa, que até parecia ser simpática.

-Olá! O meu nome é Obaa, mas podem-me tratar por Obaa-Chan, tal como toda a gente me chama. -Disse apresentando-se a Obaa-Chan.

-Eu sou o Yasushi, Uchiha Yasushi e este é o Rikudo Keitarou, viemos aqui ajudar a encontrar o seu pobre gato, como é que ele é? -Perguntou Yasushi e ao menos tempo a apresentar-se.

-Ele é um gato laranja que tem uma mancha castanha nas costas e olhos amarelos e chama-se Yusuke. -Disse a Obaa.

-Ele costuma desaparecer? -Perguntou Yasushi curioso.

-Sim, os outros não costumam fugir, mas às vezes também fogem. -Respondeu a idosa Obaa.

-Não se preocupe senhora, nós vamos encontrar esse tal gato! -Garantiu o Uchiha, saindo pela porta e tentando procurar.

Depois, o High Gennin olha para todos os cantos a tentar encontrar esse tal gato. De momentos, Yasushi para e começa a falar com o Keitarou:

-Devemos-nos dividir, assim encontramos-lo mais depressa, o que achas?

Depois de dizer aquilo, não esperou muito da resposta e dividiram-se. O High Gennin Uchiha começou a correr depressa e olha para todos os lados, percorrendo quase toda a vila. Tudo aquilo estava a sr cansativo e era muito difícil encontrar um gato, pois ele pode estar num prédio um talvez numa árvore. De repente, sente uma coisa na cabeça e olha para cima e lá estava o gato. No momento em que ia apanhá-lo, ele começa a fugir e o Jovem começa a persegui-lo. Só que de repente, o gato despista o rapaz High Gennin e este já não sabe onde ele está. De seguida, senta-se no chão exausto e começa a descansar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gennin - Konoha
Gennin - Konoha

avatar


O meu nome é
Uchiha Ryuu


Mensagens : 330
Data de inscrição : 03/06/2010
Idade : 24



Ficha do personagem
Vida Vida:
80/1000  (80/1000)
Chakra Chakra:
70/500  (70/500)
Stamina Stamina:
65/500  (65/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Sex Nov 02, 2012 4:07 pm




Os passos de Yasushi, ocuparam grande parte da superfície, que era o chão.Sonoros mas com lentidão, foi os passos dados pelo Rikudo.

Na rua ouvia-se por completo a natureza, inclui os pássaros a cantarem, que mudava completamente o estado de espírito.Os cidadãos ainda continuavam a trabalhar na madeira, parecia que não tiravam um dia de folga, era todos os dias a trabalharem, constantemente a parir madeira.Por isso a sua alma foi divida, a do lado direito ouvia os pássaros a cantarem belas canções dando uma emoção de esperança, e do lado esquerdo sentia os sentimentos dos cidadãos, que a melhoria dava a sensação de grande tristeza nos seus corações.

Num ápice, já estava na grande elevação de Obaa-Chan,parado atentamente nas grandes janelas azuis bem limpas, mas o restante transmitia uma velha casa com pinturas rupestres.A idosa Obaa, saia na grande elevação com uma cara de não muitos amigos.Quem suou primeiro,foi a senhora, que transmitia para o ar as suas primeiras palavras:

-Olá! O meu nome é Obaa, mas podem-me tratar por Obaa-Chan, tal como toda a gente me chama.

-Eu sou o Yasushi, Uchiha Yasushi e este é o Rikudo Keitarou, viemos aqui ajudar a encontrar o seu pobre gato, como é que ele é?-Apressavas se o pequeno Yasushi.

-Ele é um gato laranja que tem uma mancha castanha nas costas e olhos amarelos e chama-se Yusuke.-Tremia a pessoa de idade.

-Ele costuma desaparecer?-Colocou o indicador na sua testa suada.

-Sim, os outros não costumam fugir, mas às vezes também fogem.-Sorria a mulher que disfarçava estar nervosa.

-Não se preocupe senhora, nós vamos encontrar esse tal gato!-Garantia.

Os primeiros passos foram dados pelo o companheiro do Rikudo,e por trás dos olhos do High Gennin, desaparecia cada vez mais a grande mansão, a casa da Obaa-Chan.Os pássaros continuavam a cantar a mesma canção que lhe deixava-o cada vez mais ensonado.O vento rachava as folhas das pequena árvore que ficava cada vez mais despida por causa do Inverno.A roupa que trazia mantinha-o pouco quente, por isso constantemente tremia o seu corpo todo.O seu companheiro sussurrou no seu pequeno ouvido:

-Devemos-nos dividir, assim encontramos-lo mais depressa, o que achas?-Dizia o rapaz do doujutsu vermelho.

-É uma boa ideia, mas acho que não podemos separar-mos demais, pois quando um de nós encontrar o tal gato, pode gritar para o outro ajudar.-Cruzava os seus dois braços.

A procura não foi muito êxito da parte do garoto, que se mantinha parado a desviar os seus dois olhos redondos, por todos os cantos que ele conseguia.Olhou para o céu, e as nuvens formaram a imagem da sua pequena irmã.A procura continuo, de tal maneira que parecia que ia matar quem se intrometesse no seu caminho.




Informações a mais
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gennin - Konoha
Gennin - Konoha

avatar


O meu nome é
Aburame Yakashi


Mensagens : 362
Data de inscrição : 03/06/2010



Ficha do personagem
Vida Vida:
170/1000  (170/1000)
Chakra Chakra:
70/500  (70/500)
Stamina Stamina:
60/500  (60/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Sex Nov 02, 2012 5:47 pm

O Rapaz depois de descansar um pouco, foi tentando encontrar Keitarou, pois podia não estar muito perto dele. De seguida, começou a correr novamente, porque podia até apanhar o gato, mesmo sendo mais rápido. Correu tanto que não se importava o que estava no chão, o que era muito importante para não cair ou magoar-se. Este olhava para todos os cantos a ver as pessoas a socializar umas com as outras e que o deixava feliz. Depois salta bem alto e começa a saltar de prédio a prédio, para ver melhor, e por isso olha para todos os lados para ver se via o Keitarou e ainda melhor o gato.

De repente, vê o gato Yusuke e ele estava virado para uma parede, por isso este salta para o chão e encurrala o gato e finalmente apanha-o. Contente com o que fez grita bem alto, para o Rikudo ouvir.

-Já consegui!! Vamos voltar para a casa da Obaa-Chan!

De seguida, vai em direção à casa da idosa Obaa, saltando novamente de prédio a prédio, agarrando com as suas mãos o gato e detrás das costas uma mochila juntamente com o Leque igualmente nas costas.

Quando lá chegou, bateu à porta e viu que Keitarou o seguia e a Obaa abre a porta e fica muito contente por terem encontrado o gato dela.

-Muito obrigado! Agradeço muito pela vossa ajuda! -Agradeceu a Obaa-Chan, agarrando o gato nas mãos e dando festas no seu pêlo fofo.

De seguida, foram ao Gabinete do Hokage, dando fim à missão.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gennin - Konoha
Gennin - Konoha

avatar


O meu nome é
Uchiha Ryuu


Mensagens : 330
Data de inscrição : 03/06/2010
Idade : 24



Ficha do personagem
Vida Vida:
80/1000  (80/1000)
Chakra Chakra:
70/500  (70/500)
Stamina Stamina:
65/500  (65/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Ter Jan 01, 2013 9:11 pm





***

Na noite obscura, ninguém aparecia por aquela área, estava calma, a única coisa que se ouvia era um gafanhoto que passava de um lado para o outro. Mas os olhos de Ken nunca se tiravam da areia que misteriosamente, as vezes tremia. Aquilo dava arrepio ao pequeno Hihg Gennin.

Kenji sentia muita tensão a cerca da sua missão obscura, mesmo que pela a manhã não tenha acontecido nada, mas tinha um mau pressentimento a cerca daquele sossego. A volta dele não havia simplesmente ninguém, nem comerciantes, nem shinobis, pois já era bem tarde.

Os seus olhos ardia como o inferno, e por isso ás vezes adormecia, mas o seu "amigo" gafanhoto acordava-o mexendo nas pedra.

Por momentos, a criatura verde parou de saltar e olhou fixamente para a sua frente escura, sons estranho vinham dali. Pareciam leves gemidos, mas não pareciam de dor, mas de excitação, algum de estranho estava para vir...

Uma multidão ia contra os dois indivíduos, parecia que hoje vinha ser o dia das pisadelas, mas em vezes disso aconteceu uma coisa quase impossível de acontecer... As pessoas foram contra um muro. O Hekireki riu-se até a sua barriga doer.

Parecia que as pessoas se sentiram ofendidas, por isso seguiram ele com um velocidade extraordinária. A dor no pulmão começava a ser intensa, por isso ele tinha de recorrer a força. Mas Ken também não os queria aleijar, simplesmente só para os assustar:

- Raiton • Raikou Bakuha No Jutsu.- Os dedos começavam a brilhar.

-Estás a espera que eu tenha medo?- Começavam toda a gente ás gargalhadas.

- Tens a certeza que não tens medo?- Lançou um fio de electricidade pelo indicador, acertando no pé da pessoa horrível que tinha dito aquilo. Todas as pessoas que viram aquilo, começaram a correr com muito medo.

Sem esperar por nada, um multidão de cerca de 50 pessoas traziam armas como facas de cozinha, e tochas para verem ao escuro. Pareciam ser as família das pessoas que estavam a frente de Kenji a segundos atrás:

-Vingança!- Gritava um mulher.




Jutsus:
Citação :
Raiton • Raikou Bakuha No Jutsu
selos: pássaro,ox,cavalo
rank:D
Tipo: Suporte
Descrição: os dedos dos usuários começam a brilhar numa espécie de luz azul lançando pequenos raios dos seus dedos.

Gastos:

Citação :
130-7=123
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gennin - Konoha
Gennin - Konoha

avatar


O meu nome é
Uchiha Ryuu


Mensagens : 330
Data de inscrição : 03/06/2010
Idade : 24



Ficha do personagem
Vida Vida:
80/1000  (80/1000)
Chakra Chakra:
70/500  (70/500)
Stamina Stamina:
65/500  (65/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Dom Jan 06, 2013 4:38 pm

Citação :
Não dava para acreditar que aquela quantidade de pessoas ficava malucas por causa dum Exame. Estavam a gastar o seu tempo numa coisa tão inútil como aquela. Ken ficou ali paralisado, com a boca aberta e com os seus olhos esbugalhados, parecia que tinha um club de fãs a sua frente.

Olhando para os seus chinelos, começou a avistar grande quantidade de areia a acumular-se, queria dizer uma coisa, os seus macios pés iriam sofrer. Começou a correr a sete pés, sem olhar um única vez para trás, não se queria assustar.

Os ouvidos pareciam que iam arrebentar com a barulho que a multidão fazia, era como se Kenji fosse um alvo a abater, um assassino.

O cérebro do Hekireki trabalhava com grande velocidade, tentava lembrar-se de um jutsu que os confesse a voltar para as suas casas ou assusta-lo para eles fugirem. Mas ele queria fazer a maneira mais difícil, a mais acertada:

-Porque é esta aflição por causa do Exame.- Todas as pessoas paravam diante dele.- Até parece que não tem família em casa!

-Nós só queríamos fazer uma festa, não queríamos que chegasse a este ponto.- Gesticulava uma pessoa.- Desculpa por termos te feito sofrer.

Todas as pessoas baixavam as suas cabeças, a indicarem infelizes. Sem esperar por nada, uma ideia brilhante alcançou o Hekireki:

- Tenho uma ideia, mas primeiro tem de dizer que nunca mais fazem isto...Ok?-Todos abanaram a cabeça de baixo para cima.- Boa, a ideia é esta, se todos querem uma festa de celebração, o que estamos a espera? Vão todos para casa e tragam o máximo de coisas para a festa!- Ken ao dizer isto, todos começaram a correm como malucos.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gennin - Konoha
Gennin - Konoha

avatar


O meu nome é
Uchiha Ryuu


Mensagens : 330
Data de inscrição : 03/06/2010
Idade : 24



Ficha do personagem
Vida Vida:
80/1000  (80/1000)
Chakra Chakra:
70/500  (70/500)
Stamina Stamina:
65/500  (65/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Dom Jan 06, 2013 8:03 pm

Citação :
***

Tinha passado por volta de uma hora, e ninguém tinha vindo, o utilizador de raios estava sozinho com o seu companheiro gafanhoto. A criatura verde andava de um lado para o outro, parecia que estava impaciente com alguma coisa. Ken fixava os olhos para o escuro, e estava também atento a qualquer som.

Naquele momento em paz, o High Gennin começou a pensar na sua família que já partirá a muito tempo, mas dava a sensação que tinha sido ontem a morte deles. Um lágrima secreta mas gorda, caiu para as pequenas aberturas que areia causará.

Kenji já tinha ido para casa buscar uma pequena mesa com batatas e algum aperitivos e também refrigerantes, e era um pouco estranho eles estarem a demorar tento tempo, se calhar é porque não estão habituados a carregar os materiais.

O som de areia a arrastar, suava no ar com um belo cheiro a rosas. Por momento o Hekireki fez uma leve sorriso para mostrar que estava feliz por eles terem regressado. Ken tinha percebido porque é que tinham demoraram tanto tempo, pois eles traziam caixas de madeira cheias comida, outros traziam bolinhos brancos em dois pratos, outros refrigerantes... Suficientes coisas para fazer uma bela festa. Parecia que quase Konoha toda, sem contar com ninjas, estava ali reunida a festejar.

O High Gennin era tratado com grande respeito, pois era um ninja, era como se fosse superior a todos. Ele comeu de todo tipo de comida: Lombo, bolos brancos, refrigerantes...

Sem esperar por nada, olhou para a sua direita e não avistou o gafanhoto que a pouco estará ali, parecia que tinha partido. Mas a sorte veio ao de cima, pois viu a criatura verde a saltitar de alegria com a sua família ao lado, parecia que aquela festa causará felicidade a toda a gente que lá estará.

Um homem velho e barbudo com um roupa de cor de carmesim, veio ao pé dele e gesticulo-lhe uma coisa:

-Dentro de 10 minutos, temos de regressar para casa, pois não queremos incomodar quem está a dormir que nem uma pedra...

-Tens razão, quando achares que é para ir para casa nós vamos..- Ken não gostava da ideia.

A barriga já estava bem cheia, por isso foi dançar para o meio da pista com o ritmo duma música que ele desconhecia. Cada passo que ele fazia parecia ser de um Deus, foi cambalhotas, pinos e rodas, mas o problema que se tinha esforçado muito depois de comer, por isso ele foi vomitar para um arbusto que estava ali perto, ninguém o avistou. A cor do vómito era de um verde vivo, era nojento. Limpou a boca a manga e quando se virou novamente para trás, começou a ouvir:

-Já chega! A pessoas a dormirem! Por isso a festa acabou.. Foi os 20 minutos melhores das nossas vidas, mas tem de haver um fim...- Mandava o homem de idade que falara com Ken a pouco tempo.

Com uma grande velocidade, foi para a pista e olhou a sua volta a procura da sua mesa, como se tinha construído primeiro era muito difícil de a encontrar. Cerca de 5 minutos ele já tinha encontrado a sua mesa vazia só com os copos sem nenhuma pinga e os pratos sem nada. Pegou em todo, arranjou-as de uma forma que não caíssem, e saiu dali antes que o sol desperta-se.





Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chunnin - Konoha
Chunnin - Konoha

avatar


O meu nome é
Takashi


Mensagens : 2336
Data de inscrição : 23/02/2012



Ficha do personagem
Vida Vida:
280/1000  (280/1000)
Chakra Chakra:
115/500  (115/500)
Stamina Stamina:
140/500  (140/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Qua Fev 20, 2013 8:14 pm

O sol estava para se por, a alta temperatura do dia estava amenizando e finalmente conseguiria andar normalmente por Konoha. Mesmo após sair da vila por algum tempo para refrescar minha mente, ainda me vinham perguntas sem respostas que acabavam me deixando maluco com aquela situação. Precisava conversar com alguém, qualquer pessoa que eu encontrasse e conhecesse seria meu alvo, mas o assunto que queria tratar não seria para qualquer um. Quem sabe Aimi ou a Akame, apesar de não ter conversado muito com a garota preguiçosa, algo em meu corpo começou a fluir como um alerta, como se alguém muito próximo de mim estivesse na vila, talvez fosse Katayo, mas mesmo assim tudo aquilo que eu sentia estava se misturando e me deixando um pouco estressado.

Caminhei entre as pessoas tomando cuidado para não tropeçar em ninguém e muito menos deixar que alguém pegue minha nova aquisição. Fechei os olhos por um instante e parei de andar para olhar o céu. Algumas estrelas já surgiam e o fraco brilho da lua começava a se tornar mais forte a cada segundo que o sol sumia. Suspirei e consegui ver um local que não visitava há muito tempo.

Corri em meio às ruas e pulei tomando como apoio algumas cestas e um poste até chegar à sacada daquele prédio que dava a visão perfeita para o monumento dos Kages. Ali naquele local foi onde conheci meu Sensei junto ao Royuki meu amigo de infância, infelizmente soube que todas as pistas sobre estar vivo haviam desaparecido em sua ultima missão o que me converteu um sentimento de culpa, pois eu deveria estar com ele naquela missão.

Fiquei ali em pé apenas olhando em direção ao vazio e tentando me recompor mentalmente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://lcsmnl.tumblr.com/
Wanderer - Rank B
Wanderer - Rank B

avatar


O meu nome é
Yasou


Mensagens : 385
Data de inscrição : 18/09/2012
Idade : 21
Localização : ???



Ficha do personagem
Vida Vida:
310/1000  (310/1000)
Chakra Chakra:
150/500  (150/500)
Stamina Stamina:
205/500  (205/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Qua Fev 20, 2013 8:39 pm

Aquele dia foi estranho. Deixou de saber de Tatsuo e também não foi até ao gabinete pegar nenhuma nova missão. Necessitava de um descanso talvez. Sentia alguém próximo, como quando Yukito o ajudou com o contacto ao seu bijuu. Seria que agora tinha alguma espécie de premonição estranha para contactar com o rapaz?

Foi ainda mais esquisito que na altura que pensava voltar para casa, com o sol a diminuir em brilho e as estrelas mais cintilantes no céu, num prédio conseguia ver alguém em pé, à brisa do fraco vento. E para maior das surpresas era Yukito.

"Devo ir falar com ele? O Tatsuo não dá sinal de vida, talvez seja melhor arranjar alguém com quem desabafar sobres os últimos acontecimentos em Konoha..." - Tomou as ultimas forças e saltou para o prédio mais alto, mas rapidamente chegou àquela bela vista da vila, virado para os retratos dos Kages anteriores e gloriosos. - Já se passaram tantos. - Aproximou-se e se ele não percebesse, Katayo estava a apontar para o monumento. - Digo, Kages. Uns mais sociáveis, outros menos, mas todos nos deram a Konoha de hoje... - Aquilo foi só mais uma maneira de meter conversa. - É bom ver uma cara conhecida, parece que elas estão a desaparecer. Como vai, conseguiu o seu treino?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chunnin - Konoha
Chunnin - Konoha

avatar


O meu nome é
Takashi


Mensagens : 2336
Data de inscrição : 23/02/2012



Ficha do personagem
Vida Vida:
280/1000  (280/1000)
Chakra Chakra:
115/500  (115/500)
Stamina Stamina:
140/500  (140/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Qui Fev 21, 2013 12:45 am

-Já se passaram tantos. - Uma voz conhecida me retirou do transe e para minha surpresa sabia muito bem quem era - Digo, Kages. Uns mais sociáveis, outros menos, mas todos nos deram a Konoha de hoje. É bom ver uma cara conhecida, parece que elas estão a desaparecer. Como vai, conseguiu o seu treino?

-Sim, mas... - Me virei e olhei para Katayo - Meu treino não me rendeu os resultados que gostaria. - Olhei para os lados para ter certeza que não havia ninguém ali. - Eu passei perto da morte e quando sentimos o seu toque, mudamos completamente. Meus pensamentos, meus sentimentos e meu modo de agir está todo conturbado. Eu já não sei dizer quem é o Yukito. - Eu precisava desabafar e Katayo era quem eu procurava - Meu melhor amigo morreu em uma missão que eu deveria acompanha-lo, mas não estava na vila e ele decidiu se arriscar. - Suspirei e olhei novamente para o monumento - Estive em uma missão para investigar a Fiora, não sei se lembra, mas Kashi da Ilha O'zuo nos presentou com algumas informações importantes e conseguimos chegar a um dos membros da organização, mas... - Cerrei meus punhos e até soei frio, somente pelo fato de lembrar - Apenas um deles foi capaz de praticamente levar a morte três dos Chunnins mais fortes da vila. Tive que usar todo meu poder, inclusive todo o poder de Hachibi somente para arranha-lo. Eu ainda sinto a força de seus golpes, o ódio em seus olhos. O desespero nos meus... - Fiquei ofegante e senti um pouco de tontura, mas logo consegui voltar ao normal. - Têm uma coisa que está me deixando maluco e preciso da ajuda de alguém. - Olhei nos olhos dele para transmitir a seriedade do assunto - Não sei se lembra do incidente no velório, onde tivemos de lutar para proteger o túmulo e o Hokage. Mas foi onde tudo começou, eu não tenho noticias sobre o Tatsuo, mas o que me preocupa foi a ação do Hideki. Como um Hokage não consegue se defender? Um Kage não deve proteger uma vila? Deveria ser capaz de ao menos correr, não acha?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://lcsmnl.tumblr.com/
Wanderer - Rank B
Wanderer - Rank B

avatar


O meu nome é
Yasou


Mensagens : 385
Data de inscrição : 18/09/2012
Idade : 21
Localização : ???



Ficha do personagem
Vida Vida:
310/1000  (310/1000)
Chakra Chakra:
150/500  (150/500)
Stamina Stamina:
205/500  (205/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Qui Fev 21, 2013 11:26 am

Katayo deixava o rapaz desabafar. Tudo o que o rapaz dizia fazia sentido e muitas das coisas deixavam o Aburame a pensar se com ele o sentimento não era o mesmo. Até que ele ficou ofegante e parou.

- Sei como se sente. Eu também o sinto. Deve saber que Konoha voltou a ter um ataque, no hospital. Hideki acabou por morrer mesmo... - Silenciou-se. As coisas iam mesmo de mal a pior, mesmo após a subida do novo kage. - Isso também me deixa completamente à nora, sem saber o que fazer. Mesmo sabendo que posso contar com o poder do Nanabi agora, também sei que não tenho o controlo sobre o mundo sabe. Aquele sentimento de sabermos que estamos preparados para tudo. Mas comecei a aceitar que é mesmo assim...

- Têm uma coisa que está me deixando maluco e preciso da ajuda de alguém. - Olhou para o Chunnin nos olhos - Não sei se lembra do incidente no velório, onde tivemos de lutar para proteger o túmulo e o Hokage. Mas foi onde tudo começou, eu não tenho noticias sobre o Tatsuo, mas o que me preocupa foi a ação do Hideki. Como um Hokage não consegue se defender? Um Kage não deve proteger uma vila? Deveria ser capaz de ao menos correr, não acha?

- É, desde que Kashi nos informou sobre Fiora, que algumas coisas deixaram de fazer sentido. Esta manhã fui procurar por Tatsuo novamente, mas não o encontrei, nem mesmo quando investiguei a casa dele. Depois ouvi dizer à pouco do meu pai que o Hokage esteve no hospital a ver os estragos, mas amanhã vai suspender as buscas pelo ocorrido e vai centrar-se apenas na reconstrução... E depois Hideki... Ele era o mais alto cargo da vila, porque afinal nem se mexeu, enquanto os próprios Chunnins conseguiram fazer ao menos algo? - Olhou para o chão. - Algo está mal, melhor, muita coisa não bate certo. Mas o tal de Onoki, ele não anda a tentar descobrir sobre Fiora. Devemos convence-lo? Mas como se convence um líder? - Riu, mas foi um riso sem graça. - Mas uma coisa eu sei, mais que nunca, Konoha necessita de nós. Continua a ser a nossa terra natal, correcto?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chunnin - Konoha
Chunnin - Konoha

avatar


O meu nome é
Takashi


Mensagens : 2336
Data de inscrição : 23/02/2012



Ficha do personagem
Vida Vida:
280/1000  (280/1000)
Chakra Chakra:
115/500  (115/500)
Stamina Stamina:
140/500  (140/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Qui Fev 21, 2013 2:22 pm

- É, desde que Kashi nos informou sobre Fiora, que algumas coisas deixaram de fazer sentido. Esta manhã fui procurar por Tatsuo novamente, mas não o encontrei, nem mesmo quando investiguei a casa dele. Depois ouvi dizer à pouco do meu pai que o Hokage esteve no hospital a ver os estragos, mas amanhã vai suspender as buscas pelo ocorrido e vai centrar-se apenas na reconstrução... E depois Hideki... Ele era o mais alto cargo da vila, porque afinal nem se mexeu, enquanto os próprios Chunnins conseguiram fazer ao menos algo? - Katayo olhou para o chão. E acabei ficando perplexo, ainda não sabia de nada, afinal havia acabado de chegar na vila.

-Tudo se encaixa... - Falei baixo e o Chunnin continuou.

-Algo está mal, melhor, muita coisa não bate certo. Mas o tal de Onoki, ele não anda a tentar descobrir sobre Fiora. Devemos convence-lo? Mas como se convence um líder? - Acabou rindo e eu apenas confirmei, mas sem empolgação - Mas uma coisa eu sei, mais que nunca, Konoha necessita de nós. Continua a ser a nossa terra natal, correcto?

-Sim, tem razão. - Me encostei no muro da sacada e fiquei um tempo em silêncio para analisar os fatos. Até que algo me veio a mente. - Somos shinobis, não? - Encarei o Chunnin e falei de forma retórica, talvez percebesse o que eu tinha mente - Não vou ficar com os braços cruzados se posso fazer algo para mudar a situação. - Olhei para o monumento e sorri - Este Onoki não quer fazer nada contra Fiora? Tudo bem, eu faço! Estou indo para o hospital antes que a reforma acabe. -Dei um salto ficando em cima do pequeno muro de proteção - Como sou Médico posso entrar no hospital a qualquer momento e se eu estiver dentro posso pedir ajuda para Hakufu e para a Chubou que é uma ANBU e grande amiga da minha Sensei. Talvez eu consiga ficar em ótima posição para usar meu Byakugan e olhar o estrago, mas... - Olhei para ele e sorri - Nem Hakufu e nem a Chubou vão concordar em me ajudar. Preciso de alguém para me proteger enquanto investigo a sala. Com certeza o Hokage pediu para os ANBU guardarem o local. O que acha? - Não deixei muito claro, mas estava convidando Katayo para me ajudar com aquela investigação de baixo do nariz do Hokage.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://lcsmnl.tumblr.com/
Wanderer - Rank B
Wanderer - Rank B

avatar


O meu nome é
Yasou


Mensagens : 385
Data de inscrição : 18/09/2012
Idade : 21
Localização : ???



Ficha do personagem
Vida Vida:
310/1000  (310/1000)
Chakra Chakra:
150/500  (150/500)
Stamina Stamina:
205/500  (205/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Qui Fev 21, 2013 2:31 pm

Yukito explicava em como eles, enquanto shinobis que pretendiam defender Konoha, deveriam aprofundar a questão, nem que fosse sozinhos e sem a aprovação do Hokage. Ele estava no poder à pouco tempo, mas já algumas das suas atitudes estavam a ser contraditórias àquilo que uma pessoa faria em situação de perigo e rapidamente Katayo ficou a entender que o rapaz queria entrar no hospital, como qualquer Medic-Nin poderia fazer sem levantar suspeitas e investigar as ruínas, antes que a investigação fosse suspendida no dia seguinte pela tarde, como ouvira dizer.

- Parece-me bem, não estamos a fazer nada ilegal, estamos a seguir a conduta de Konoha.- Aproximou-se dele. - Pode contar comigo, estou dentro. Quem sabe a morte do Hideki e o incidente do hospital me ajudem a perceber onde raio o Tatsuo se meteu. - Esperava que ele não estivesse envolvido em tudo aquilo, mas era a única pessoa que desaparecera misteriosamente nos últimos dias e nem nisso o Hokage se preocupava. - Sejam necessárias distracções ou cobertura, eu trato do assunto. - Ali estava o animo que ambos necessitavam, um propósito. E de momento ambos estavam bastante interessados em descodificar Fiora e o seu possível envolvimento em tudo o que se estava a passar na vila. "Eu prometi acabar com todos esses de Fiora que se atreveram a pisar as defesas de Konoha... Se foram eles que destruíram o nosso hospital, estou um passo mais à frente de os encontrar." - Lembrou-se, quando apertou o punho no dia chuvoso perto da sepultura abandonada de Tatsuo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chunnin - Konoha
Chunnin - Konoha

avatar


O meu nome é
Takashi


Mensagens : 2336
Data de inscrição : 23/02/2012



Ficha do personagem
Vida Vida:
280/1000  (280/1000)
Chakra Chakra:
115/500  (115/500)
Stamina Stamina:
140/500  (140/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Qui Fev 21, 2013 2:42 pm

-Muito bom! Então o plano vai ser o seguinte... - Me abaixei de modo a me aproximar do Chunnin e falar em tom onde somente nós dois pudéssemos saber. - Quando chegarmos ao Hospital eu demonstro minha identificação de Médico e digo que está comigo, pois quer aprender ou qualquer outra desculpa que eu conseguir imaginar. Se não liberarem minha entrado eu falo outra mentira de forma a parecer que estamos em uma situação complicada e que precisamos acessar o hospital. Enfim, quando entrarmos vamos tentar invadir o local destruído ou ao menos ficar em uma sala próxima para que eu possa usar meu Byakugan e você pode até mesmo usar seus insetos para entrar na sala. - Sorri - Acho que nossas habilidades são perfeitas para a situação. - Me levantei e olhei para a lua - Se descobrirem e o Hokage querer nos punir de alguma forma, devo concluir que ele não é nada confiável. Afinal estamos ajudando seu trabalho, não?

Dei um salto mortal e parei na rua logo a frente do prédio, esperei pelo Chunnin e logo começamos a caminhar em direção ao Hospital. Estava na hora de agir contra e a favor de Konoha.

OFF: Desculpe o post pequeno, mas já pode postar no Hospital e se necessário me utilize como NPC *--*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://lcsmnl.tumblr.com/
Chunnin - Konoha
Chunnin - Konoha

avatar


O meu nome é
Issei


Mensagens : 199
Data de inscrição : 01/02/2013



Ficha do personagem
Vida Vida:
350/1000  (350/1000)
Chakra Chakra:
260/500  (260/500)
Stamina Stamina:
90/500  (90/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Sab Abr 20, 2013 10:44 pm

Citação :
~ [SAGA: Capítulo 3] - A Glória dos Traidores (Parte 1) ~

Continuação de: http://www.ss-narutorpg.com/t9456-saga-capitulo-3-a-gloria-dos-traidores-parte-1#111030


Citação :
Sub-missão - Takeshi

Descrição: As ruas começam a ficar infestadas de criaturas estranhas e babosas, homens que pouca humanidade tem, pois metade do seu corpo é o de um monstro e assim os seus corpos estão desfigurados, ora uma orelha de monstro, ora um cabelo selvagem.
Um grupo de três continua violentamente a atacar um pequeno Gennin que tenta proteger a mãe e a avó dos ataques, mas sempre que tenta investir, o soco dos inimigos deitam-no no chão. Ao mesmo tempo um deles cria uma espécie de bola de fogo que lança contra uma casa, deixando-a em chamas.
Takeshi tem de escolher: Existirão pessoas em perigo no interior da casa em chamas, ou será melhor tentar ajudar o Gennin?

Nota: Pode dar seguimento nas ruas de Konoha, um local à escolha.
Status:
Spoiler:
 

Quanto mais Takeshi se aproximava do epicentro da confusão, mais encontrava a população toda em pânico. As pessoas corriam em sentido contrário ao do jovem, o que dificultava sua movimentação, indo de encontro a vários civis sem ligar muito para isso, a adrenalina percorria suas veias como nunca em sua vida. Tinha seu tridente em mãos, tanto para estar preparado em caso de ser atacado, quanto para não machucar ninguém. "Preciso segurá-los um pouco, para as pessoas conseguirem fugir!"

Após alguns minutos em caminhada frenética, o Senju virou em uma rua menos movimentada, pois já estava completamente tomada. O shinobi avistou seus inimigos pela primeira vez. Pessoas que mais pareciam monstros caminhavam triunfantes sobre as ruas, deixando um rastro de destruição a sua volta. Criaturas que nunca havia visto na vida agora tomavam a sua cidade, que o jovem secretamente guardava um apego gigantesco. Apesar da fúria invadi-lo, ele manteve a calma, como sempre fez.

Começou a caminhar em direção aos desconhecidos, mantendo sua arma um pouco a frente do seu corpo, se preparando para a batalha. Nenhum dos monstros parecia ligar muito para ele. Um, inclusive, nem percebera sua presença, pois incendiava uma casa com um jutsu de Katon. O chunnin começou a arquitetar algum plano de combate em sua cabeça, mas jogou seu auto-controle pelos ares quando viu um pequeno gennin lutando com o máximo de suas forças para proteger sua família. Não sentiu dó daquele pequeno, que com um soco de seus agressores caiu inerte ao chão, mas sim uma enorme admiração.

Eram três criaturas, que depois de deitar o shinobi menor, avançavam para atacar a mãe e a avó daquela criança, mas Takeshi não permitiria. - Afastem-se. - O jovem tinha uma voz grossa de mais para a idade, mas que não foi capaz de ameaçar nenhum dos ali presentes, apenas chamar atenção. O trio soltou uma risada esganiçada que fez os ouvidos do jovem doer, mas ele não se mexeu. O capuz escondia seus olhos, deixando sua face obscura, como alguém completamente misterioso. "Parecem ser fracos, mas não devo subestimá-los."

O primeiro avançou contra ele, tentando lhe desferir um soco simples, que o garoto simplesmente bloqueou com seu tridente. Pôde ver o segundo se aproximar com o canto dos olhos, vindo de encontro para um ataque físico. Com sua arma na horizontal, utilizou o bastão para barrar os ataques frontais e impactar os inimigos para trás. Mas o terceiro, mais astuto, conseguiu se aproximar o bastante para socar a lateral do corpo do Senju. O garoto cambaleou um pequeno passo, mas logo se recompôs.

Girou Hiramekirei de encontro ao que estava mais próximo, fazendo um corte transversal em seu abdômen, o que não lhe causou muito dano. Recuou para não ser afetado pela investida dupla dos outros dois, jogando o tridente para cima numa altura razoável, deixando suas mãos livres para fazer uma sequência de selos numa velocidade impressionante. - Suiton: Haran Banshou. - Concentrou seu chakra de Suiton, tocando o chão e produzindo uma gigantesca onda atrás de si, que o atravessou sem o afetar e engoliu os três inimigos, que giraram violentamente pela alta pressão da água. Caíram, feridos, mas logo se recompuseram, pondo-se de pé enquanto Hiramekirei era devolvida as mãos do Senju, que já estava um tanto ofegante.

Avançou, não pensava em mais nada apenas em alguma maneira de destruir aqueles seres que o importunavam e importunavam aquela cidade maravilhosa. A arma do jovem desenhou uma sequência de cortes transversais atingiu aquele que primeiro se levantou. Surpreendendo o garoto, a criatura só tomou alguns poucos cortes, pois conseguia desviar da maioria. Os outros dois avançaram sem dó, socando o corpo do garoto com força total. O shinobi era ligeiramente mais rápido que eles e conseguia desviar da maioria, sendo atingido por apenas dois, um no fim das costelas e outro no ombro. Recuou outra vez, precisava manter a calma, não conseguiria nada sendo afobado de mais.

Teve uma ideia simples, mas que poderia dar certo. As criaturas não tinham muita inteligência, o que poderia contribuir para o seu plano. Ele se aproximou ligeiramente,c colocando o tridente nas costas para efetuar o selo do tigre seguido do selo do bode. Concentrou chakra Suiton em sua boca, cuspindo um líquido pegajoso sobre os pés dos inimigos, fazendo com que eles se fixem ao chão e não consigam se mexer. A primeira parte do plano foi completa, mas uma observação de Takeshi estava um pouco errada. O chunnin julgou que as criaturas não podiam usar ninjutsu - mas estava completamente enganado.

Surpreendendo o jovem, uma das criaturas vez uma sequência de selos rápida com suas mãos desfiguradas e disparou um jutsu de Katon na direção do shinobi. "Eles conseguem utilizar jutsus?" Ele estava próximo demais para desviar do ataque, mas o monstro demorou tempo suficiente para o chunnin reagir. Puxou o tridente de suas costas, revestindo-o com uma camada de chakra bem sólida, girando-o a sua frente. Determinado, a defesa de Takeshi conseguiu parar o ataque súbito. Sem mais demoras, o jovem repetiu o procedimento que havia feito antes, jogando o tridente para cima, para fazer executar outro jutsu. Agora, concentrando chakra Mokuton ao seu redor, criava uma esfera de madeira com diâmetro de 4 metros à sua frente, que começava a girar em uma velocidade impressionante, indo na direção dos inimigos e os atropelando violentamente, deixando-os inconscientes.

Guardou sua arma assim que ela caiu em suas mãos, finalmente lembrando das outras três pessoas que ali estavam com ele. O gennin já tinha acordado, mas parecia estar um tanto ferido e não conseguia se mexer. A mãe e a avó choravam, ajoelhadas próximas ao corpo inerte do menor, aonde o único sinal de vida era a respiração alta e perturbada do garoto. Takeshi se aproximou, ainda inexpressivo. Pegou um pequeno pedaço de pepal para fuuins em seu cinto, rabiscando alguns selos nele rapidamente. Fixou-o ao corpo do garoto e fez alguns selos, legitimando o fuuin. Com o poder do mesmo, a dor do ferido seria diminuída e suas condições melhorariam ligeiramente enquanto aguardasse auxílio médico. Agora, o gennin já podia erguer seu tronco, abrindo seus olhos para ver o seu salvador. - Obrigado. - A voz infantil do garoto era um tanto irritante aos ouvidos sensíveis do jovem maior. - Quando crescer, quero ser igual a você.

Takeshi não sorriu ou demonstrou qualquer expressão, ou ao menos disse alguma coisa. Assentiu levemente, mas logo partiu em alta velocidade. Seu trabalho ainda não havia terminado.

Detalhes:
 


Última edição por Takeshi em Qui Abr 25, 2013 6:47 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chunnin - Konoha
Chunnin - Konoha

avatar


O meu nome é
Takashi


Mensagens : 2336
Data de inscrição : 23/02/2012



Ficha do personagem
Vida Vida:
280/1000  (280/1000)
Chakra Chakra:
115/500  (115/500)
Stamina Stamina:
140/500  (140/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Dom Abr 21, 2013 7:17 pm

Katsuyu

Uma pequena lesma chegava as ruas principais de Konoha e após um tempo de busca finalmente encontrava a pessoa que procurava. Ela aproximou-se do garoto e a poucos metros começou a interagir.

-Olá! Sou Katsuyu, estou aqui á favor de Hakufu-sama! - Parou por um tempo e continuou logo em seguida - Serei o elo de ligação entre os shinobis e Hakufu poderá curá-los a longa distancia com meu auxilio! Por favor cuide de mim. - Esperou para ver a reação do shinobi que ali lutava.

OBS.: Eu irei postar avisando quando uma "onda" de cura começar. Isto no post de Comunicação de Katsuyu.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://lcsmnl.tumblr.com/
Gennin - Konoha
Gennin - Konoha

avatar


O meu nome é
Hikaru


Mensagens : 47
Data de inscrição : 21/04/2013
Idade : 20



Ficha do personagem
Vida Vida:
170/1000  (170/1000)
Chakra Chakra:
110/500  (110/500)
Stamina Stamina:
85/500  (85/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Qua Abr 24, 2013 4:44 pm

Citação :
Continuação: http://www.ss-narutorpg.com/t9456p15-saga-capitulo-3-a-gloria-dos-traidores-parte-1#111162

Sub-missão - Hikaru

Descrição: Quando o jovem chegava para fazer o seu exame Gennin, a vila era atacada por uma organização conhecida como Fiora, varias criaturas bizarras estavam soltas pelas ruas distribuindo o caos, então em vez de um exame um dos professores lhe pedia ajuda por falta de shinobis por ali. Ele lhe dava a responsabilidade de levar um grupo de 4 alunos novatos até os tuneis de Konoha. Será Hikaru capaz de executar essa missão?
Nota: Faça um post aqui pegando a missão e em seguida, post a missão na área das Ruas de Konoha.
Link: http://www.ss-narutorpg.com/t8592-ruas-de-konoha
Status:
 

Hikaru tentava de qualquer jeito, locomover-se por Konoha, sempre na frente de quatro pequenas crianças, que tremiam de medo com o que estava a acontecer. Ele também estava, mas diferente deles, tentava não demonstrar e isso principalmente por causa deles, as pessoas pareciam correr, com medo até mesmo de suas sombras, não era para menos, Konoha estava sendo invadida de uma forma cruel, mas Konoha era forte, seus Shinobis eram fortes e nenhum deixaria sua vila ser tomada por um bando de malfeitores, está certo que Hikaru não era nem um pouco forma, mas também estava decidido há não deixar seus "inimigos" tomar sua "vida" assim tão fácil. E por isso iria salvar aquelas crianças, não importasse como, olhava para trás, para ver se as crianças ainda estavam lhe seguindo, mas por azar elas não estavam na sua vista, olhava em volta um pouco preocupado, pois há alguns segundos atrás eles estavam ali, via-os perdidos olhando para os lados, enquanto os civis corriam rapidamente, alguns esbarravam neles, o que apenas assustava-os mais, Hikaru coçava a cabeça e começava a caminhar na direção deles, quando estava quase próximo, algo salta por cima das crianças, parecia um homem, ou algo parecido com um homem, Hikaru chegou até a acreditar que estava vendo uma miragem com a imagem que estava tendo. Era um "pouco" humano, seu porte era de um homem comum, porém este tinha até mesmo orelhas pontudas, um olhar felino característico de bestas sanguinárias e parecia ter dificuldade em ficar em duas pernas, pois assim que rugiu de forma bestial, se pôs de quatro, observava as crianças, como se estivesse pensando se iria matá-las ou se divertir lentamente com suas feições de medo. Hikaru não sabia ao certo que fazer, não tinha nenhum Jutsu de ataque e talvez não soubesse usar seus Jutsus Acadêmicos de forma sábia, mas uma coisa ele tinha que fazer e esta era chamar a atenção da besta, poderia fazer de várias formas, mas a única que realmente funcionaria era a que ele estava prestes há fazer, após um longo assovio a besta parecia perder a atenção das crianças, olhando em volta como se achasse a fonte do som irritante.
- Ei monstro estúpido... - Dizia abanando os braços, finalmente chamando a atenção da besta, que rugia, fazendo os ossos do garoto tremer totalmente. Hikaru repreendia-se mentalmente por tremer de forma tão ridícula, mas tinha outras coisas para se preocupar, entre elas a besta que agora corria em sua direção, os civis já haviam se afastado, estavam totalmente com medo da besta e evitariam aproximação de qualquer forma. - "Sem armas, sem Jutsu. Só tenho inteligência e velocidade." - Pensava consigo mesmo, achando que era realmente uma má ideia enfrentar uma besta daquelas, o passo 1 seria confundir a besta, nada mais sensato do que criar "outros" de si. - Bunshin no Jutsu - Disse fazendo os selos necessários e descontando seu chakra, em seguida dois Clones apareciam ao seu lado, a besta parecia olhar, realmente confusa, pois chegava a virar a cabeça tentando entender, ficou ainda mais confusa quando os três se separaram, não sabia qual seguir, rosnou alto seguindo na direção de um dos Hikaru, corria rápido, mas incrivelmente não era tão rápido quanto Hikaru, assim que se aproximou do mesmo acertou um forte soco que fez com que Hikaru quicasse, porém este apenas se desfazia em fumaça logo após isso, fazendo com que a besta olhasse em volta, via um outro Hikaru, abanando enquanto seguia para um lado mais afastado dos civis e por acaso, das crianças que agora estavam com o verdadeiro Hikaru, seguindo para sair daquela área, a besta começava a farejar o ar, como se tentasse encontrar o verdadeiro pelo cheiro, mas infelizmente para ela Hikaru havia aprendido há esconder seu cheiro na academia e também a quantidade enorme de pessoas nas redondezas apenas dificultava seu faro, então o único jeito era seguir o garoto na sua vista, que corria pro lado oposto. Hikaru arfava, estava cansado, não por ter gastado chakra, mas sim por ter que "enfrentar" uma besta daquelas. - E pensar que existem coisas assim. - Comentava baixinho para os quatro, que apenas assentiam. - Vamos crianças, ainda temos que chegar aos tuneis. - Felizmente para eles, os tuneis não estavam tão longe, Hikaru e as crianças seguiram o caminho, com Hikaru agora prestando o dobro de atenção para ver se as crianças não iriam se perder e se não apareceria outro monstro daqueles, para ele nenhum dos dois podia acontecer, se não estaria ferrado, tinha pouco chakra e não sabia usá-lo, mesmo que desse para pensar em algo rápido para ser feito com esta pouca quantidade que tinha. Os cinco seguiram normalmente, já avistando a entrada dos tuneis, mas infelizmente um dos monstros rondava, este era diferente, havia uma calda e uma longa cabeleira preta, conseguia andar meio corcunda, o que fazia com que suas mãos quase tocasse no chão, o mesmo parecia perdido, ou pelo menos, procurando algo que não estava mais nas redondezas. Hikaru levava os garotos até a parede, para que conseguissem se esconder.
- E agora? Aliás, você nem é Shinobi, porque... - Hikaru colocava o dedo indicador nos lábios do pequeno garoto, fazendo com que o mesmo automaticamente parasse de falar. O motivo era simples, ao ouvir um barulho diferente do normal, o monstro se moveu, como se agora estivesse a todo custo tentando achar o som.
- Vou atraí-lo... Vocês correm pro túnel quando ele estiver longe, okay? - Os quatro assentiam, por mais que temessem com a ideia de ficarem sozinhos, Hikaru respirava fundo, antes de procurar alguma pedra pelo local, infelizmente não tendo sucesso na sua procura, saia de trás da parede, vendo que a criatura já travava os olhos em si, começava a correr na direção da besta, que fazia a mesma coisa, porém antes mesmo de se aproximar o garoto dobrava na esquina, vendo a criatura fazer uma curva rápida e continuar lhe seguindo, Hikaru parou logo depois, abaixando-se a tempo de esquivar de um golpe da criatura, continuava tentando esquivar, mas parecia quase que impossível, pois a criatura era bem rápido e Hikaru não estava acostumado com batalhas, por isso tomou três socos seguidos, mas o garoto não desistia e no próximo soco agarrava com um pouco de sorte o braço da criatura, as crianças passavam correndo pela esquina em direção ao túnel, Hikaru pensava em usar o Hada Suro no Jutsu agora que estava segurando o braço da criatura, porém a mesma parecia ter uma reação mais rápida, utilizando a outra mão para tentar um soco na direção do rosto de Hikaru, que nos poucos segundos que via o soco já próximo, esquivava rapidamente, tão rápido que nem parecia que era ele quem estava controlando seu próprio corpo, isso tudo graças ao Taisaku no Jutsu, tentava correr para sair daquele local, mas o monstro agarrava sua camisa e jogava-o para trás com brutalidade, o garoto rolava no chão, só parando quando acertava com as costas na parede de uma casa, agora no final da rua, o mesmo gemia de dor, aquilo realmente havia doido, o garoto se levantava, mesmo não sabendo o motivo, o monstro já estava correndo na sua direção, o garoto fazia selos rápidos e logo o monstro lhe acertava com um soco, mas o que ele acertava era uma lata de lixo, o monstro não entendia aquilo, de repente estava um garoto na sua frente e do nada, aparecia uma lata de lixo, sem nem notar que Hikaru já estava se afastando rapidamente, fora realmente o único recurso, ter que usar Kawarimi no Jutsu para sair de perto daquele monstro, dobrou a esquina antes mesmo que o monstro decidisse olhar para trás, por mais que aquela não fosse a esquina que desse para a entrada do túnel, Hikaru fez outra volta, agora com menos velocidade, já que não queria se cansar muito, assim que conseguiu achar a entrada do túnel, via que as crianças já não estavam mais no antigo lugar, entrava pela porta, em seguida descia as escadas, onde via as crianças aparentemente esperando que este aparecesse, as mesmas encaravam Hikaru que gemia de dor a cada lance de escada que descia. Assim que chegou próximo afagou os cabelos do garotinho de olhos castanhos, com um sorriso, estava bastante feliz por eles terem conseguido sem ele. Mas agora era necessário um descanso, pois não era fácil enfrentar aquelas criaturas, por mais que ele só tenha fugido em ambos os confrontos, tirando o fato de ter apanhado bastante, nem sabia se estava totalmente inteiro, talvez algum pedaço seu tenha ficado para trás e ele nem tenha notado. Mas ainda tinha que saber o que mais devia fazer, a invasão em Konoha ainda não havia terminado, está certo que ele era um Estudante, mas poderia ajudar em outras coisas.

Status
Citação :
Vida: 64/80
Chakra: 22/40
Stamina: 34/40

Jutsus Utilizados
Citação :
Bunshin no Jutsu
Uma técnica básica que cria de 1 a 5 clones do usuário. Os clones são usados como manobra de diversão. Os clones são incapazes de atacar e desaparecer quando o são. Um ninja experiente é capaz de distinguir um clone da pessoa real.
Selos: Tigre
Rank: E
Tipo: Suporte

Kamen no Waza
Descrição: Uma técnica em que o Shinobi tenta esconder o seu cheiro através de coisas na natureza, como perfume ou uma flor com forte cheiro. Um batedor experiente pode ignorar esta habilidade.
Rank E
Tipo: Suporte

Taisaku no Jutsu
Descrição: Uma técnica simples em que o utilizador usa as suas capacidades de dedução para se desviar dos golpes do oponente. Este jutsu é uma especie de Kawarimi, em que o utilizador pode apenas usar uma vez por combate e apenas para desviar de jutsu de Rank E e D.
Rank E
Tipo: Suporte

Kawarimi no Jutsu
Uma técnica básica que envolve rapidamente substituir o corpo com um outro objecto, planta, ou animal. Isto é usado para confundir momentaneamente o oponente e criar uma oportunidade de atacar ou escapar-se possivelmente.
Selos: Tigre
Rank: E
Tipo: Suporte/Defesa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gennin - Konoha
Gennin - Konoha

avatar


O meu nome é
Nero


Mensagens : 6668
Data de inscrição : 04/02/2010
Idade : 32



Ficha do personagem
Vida Vida:
100/1000  (100/1000)
Chakra Chakra:
80/500  (80/500)
Stamina Stamina:
50/500  (50/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Qua Abr 24, 2013 6:16 pm

Citação :
Um jounnin descia as escadas com os olhos cheios de lagrimas olhando para o jovem. Ele estava segurando uma banda na com sangue e o seu traje estava bastante surrado das batalhas que ocorreram la em cima. Ele olha a com os olhos cheios de lagrimas para o garoto e falava - Como pode, tão novo assim. Vi o que fez lá fora! Aceite a banda a do meu discípulo, você me lembrou bastante a ele! Tenho que subir precisam de mim la em cima! - Falava o homem lhe entregando uma bandana gennin com alguns rasgos e sangue.

obs: terminando aqui pode postar no lugar da saga novamente descrevendo onde esta para receber outra tarefa. Parabéns pelo rp é um gennin agora!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gennin - Konoha
Gennin - Konoha

avatar


O meu nome é
Hikaru


Mensagens : 47
Data de inscrição : 21/04/2013
Idade : 20



Ficha do personagem
Vida Vida:
170/1000  (170/1000)
Chakra Chakra:
110/500  (110/500)
Stamina Stamina:
85/500  (85/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Qua Abr 24, 2013 7:49 pm

Hikaru estava a descansar, quando de repente um Jounnin descia as escadas, seus olhos estavam cheios de lágrimas e parecia que mais ainda estariam por vir, mas mesmo assim este não parava de olhar pro garoto de cabelos brancos. O mesmo segurava uma bandana suja de sangue, parecia ser de alguém morto em batalha, enquanto seu traje estava bastante surrado, parecia que ele estava a travar uma batalha muito acirrada, talvez ele conseguisse se igualar com os monstros. Este caminhou até a sim, balbuciando algumas palavras, que Hikaru tentava prestar atenção, mesmo estando a descansar.
- Como pode, tão novo assim. Vi o que fez lá fora! - Dizia ainda com lágrimas no rosto, enquanto Hikaru pensava na cena ridícula dele apanhando para os demônios. - Aceite a bandana do meu discípulo, você me lembrou ele! Tenho que subir, precisam de mim lá em cima. - Dizia entregando-lhe a bandana, Hikaru pegava-a apenas dizendo um rápido "obrigado", enquanto o homem subia as escadas calmamente, enquanto Hikaru olhava para a bandana Gennin que tinha sangue e estava com alguns rasgos, o garoto parecia bastante determinado ao olhar aquele sangue e os rasgos de batalha.
- Posso não conhecê-lo direito, porém irei honrar esta bandana - Dizia amarrando-a em sua testa, dando um nó firme, mas com extrema cautela, não sabia qual era a resistência daquele pano. Em seguida se levantava, ainda tinha coisas para fazer e pessoas para ajudar. Seguia para fora, pronto para pegar outra missão.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Chunnin - Konoha
Chunnin - Konoha

avatar


O meu nome é
Takashi


Mensagens : 2336
Data de inscrição : 23/02/2012



Ficha do personagem
Vida Vida:
280/1000  (280/1000)
Chakra Chakra:
115/500  (115/500)
Stamina Stamina:
140/500  (140/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Sex Abr 26, 2013 10:59 pm

Katsuyu

Uma pequena lesma chegava as ruas de Konoha e após um tempo de busca finalmente encontrava a pessoa que procurava. Ela aproximou-se do garoto e a poucos metros começou a interagir.

-Olá! Sou Katsuyu, estou aqui á favor de Hakufu-sama! - Parou por um tempo e continuou logo em seguida - Serei o elo de ligação entre os shinobis e Hakufu poderá curá-los a longa distancia com meu auxilio! Por favor cuide de mim. - Esperou para ver a reação do shinobi que ali lutava.

OBS.: Eu irei postar avisando quando uma "onda" de cura começar. Isto no post de Comunicação de Katsuyu.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://lcsmnl.tumblr.com/
Gennin - Konoha
Gennin - Konoha

avatar


O meu nome é
Hikaru


Mensagens : 47
Data de inscrição : 21/04/2013
Idade : 20



Ficha do personagem
Vida Vida:
170/1000  (170/1000)
Chakra Chakra:
110/500  (110/500)
Stamina Stamina:
85/500  (85/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Sex Abr 26, 2013 11:29 pm

Hikaru estava correndo por Konoha, buscando não gastar muita energia, mas mesmo assim tentando ser rápido o suficiente para achar algo para ajudar, mas parou bruscamente ao avistar uma lesma de tamanho relativamente grande na sua frente, diferente das lesmas que costumava maltratar em sua humilde casa, aquela era azul e branca, o mais esquisito era que conseguia falar. Ela citou algum nome que Hikaru por estar mais concentrado em descobrir em como uma lesma podia falar, não prestava tanta atenção quanto deveria, isto até o final. Onde ela estava quase para terminar sua falação que parecia até monótona e robótica, o garoto se baixou perto da mesma, enquanto esta pronunciava a frase: "Serei o elo de ligação entre os shinobis e Hakufu poderá curá-los a longa distancia com meu auxilio! Por favor cuide de mim.", claro que ele prestou atenção agora no nome, Hakufu parecia ser um nome bastante estranho, mas de certa forma ele sentia que já havia ouvido de algum lugar, talvez enquanto comia Ramen no Ichiraku-San, não se lembrava direito e por isso não sabia quem era esta pessoa realmente, apenas o nome lhe era conhecido de certa forma.
- Você é uma lesma, certo? - Perguntou, com um sorriso cutucando a lesma, para ver se era de verdade. - O que é você? Mutante? - Mal sabia ele que se tratava de uma Kuchiyose, mas o garoto ainda não sabia de tudo no mundo Shinobi, estava recém enfrentando sua primeira invasão, para alguém sem experiência alguma, era um grande feito ainda estar vivo. Mas a vida continuava e com a nova parceira temporária, poderia agora como ela mesmo dizia, ser curado por um Shinobi ou Kunoichi, não sabia direito. Colocou Katsuyu no seu ombro e continuou seu caminho, agora mais confiante de si, por também ter um bichinho de estimação temporário, mesmo que não fosse seu obviamente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gennin - Konoha
Gennin - Konoha

avatar


O meu nome é
Caled


Mensagens : 18
Data de inscrição : 19/07/2012



Ficha do personagem
Vida Vida:
90/1000  (90/1000)
Chakra Chakra:
115/500  (115/500)
Stamina Stamina:
45/500  (45/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Sab Abr 27, 2013 3:01 pm

Citação :
A DECISÃO DE SER UM NINJA


As ordens foram: - Tente diminuir o caos nas ruas a medida do possível, ajude os mais fracos que ficaram para trás a seguirem para os túneis de Konoha, mas tome cuidado
Ele não conseguia mexer as pernas naquele momento, apenas olhava para aquele shinobi que depois de lhe ordenar, saltou por cima de uma casa próxima e sumia de seu campo de visão. “Vamos Caled, mexa-se! Você é um ninja de Konoha e agora tem responsabilidades com essas pessoas que precisam de sua ajuda”.

Olhou ao seu redor e quase por instinto saiu a conduzir as pessoas para os abrigos. – Venham, por aqui! Dizia para uma família a que estava desnorteada ao ver algumas das criaturas invasoras esquartejarem um jovem garoto a poucos metros dali. “Droga são muitas”.

Não tinha muito que fazer, pois entrar em um confronto direto com várias criaturas seria muito arriscado, ainda mais para um gennin inexperiente, morte na certa. O grupo de criaturas cercou mais algumas pessoas, dentre elas chamava atenção do garoto uma mulher grávida, que lembrava muito sua querida tia e mestra Mioki, a qual havia morrido antes de dar a luz de um provável menino.

Aquele sentimento de nostalgia batia forte no garoto que não conseguiu se segurar e partiu em investida em uma das criaturas que já preparava um ataque com garras na mulher gestante. Sacou uma de suas kunais e arremessou na mini besta acertando-a bem na cabeça. Em seguida saltava por cima dela e tomando a frente das pessoas encurraladas dizendo: - Não se preocupe, eu irei salvá-la. Aparentava muita confiança em suas palavras, embora seu coração estivesse em plena taquicardia e seus pensamentos em dúvida da veracidade de tais palavras.

O ataque feito pelo garoto não causou grandes estragos em seu oponente, pois sua força física não era grande coisa, então era chegada à hora do clímax da batalha. No geral eram visíveis cerca de quatro mini bijus que mostravam interesse no combate, outras duas saíram e foram em busca de novas vítimas. A que estava mais a frente aparentava um gato, saltou em direção ao gennin e desferiu dois ataques com garras, o primeiro foi esquivado com um rolamento, o segundo foi necessário realizar um pequeno salto para trás o que o deixou bem no meio das criaturas.

Nunca saiu de sua cabeça uma pertinente pergunta que sua mestra o fez em seu primeiro dia de treinamento (Anos atrás... Mioki em um treinamento de taijutsu com Caled falava de sonhos e em meio ao calor dos comentários perguntava a seu pupilo: - Por qual motivo você quer se tornar um ninja? Sem pensar o menino logo responde: - Para me tornar o shinobi mais poderoso de Konoha. – Errado! Dizia em meio a um chute lateral que acerta bem na cabeça do prodígio a gennin. Caiu atordoado meio metro para traz, sua visão ficou turva e a dor era forte o suficiente para deixá-lo por ali durante alguns minutos. Ela aproxima-se dele e enquanto faz uma pequena massagem no galo que se formou diz: - Não se torne um ninja pelos motivos errados, não seja mais um tolo neste mundo. Procure a resposta dentro de você e tenho certeza que ficar forte ou poderoso será apenas conseqüência).

Aquela pergunta o atormentava desde então, pois nunca chegou a uma resposta definitiva. Antes que pudesse revidar os golpe as outras criaturas o atacaram sem piedade, já não era um treinamento da academia onde ele sabia que acabaria no fim da tarde, aquela situação não só envolvia perigo, como era dever dele como shinobi ajudar a conduzir aquelas pessoas a um lugar seguro, mesmo que custasse sua vida.

Embora ele fosse mais rápido, não conseguia esquivar-se de todos os ataques e acabou sendo acertado. Já ferido não conseguia utilizar seu katon mais poderoso (Gakakyu no Jutsu), que aprendeu com seu pai, pois havia uma grande chance de acertar algumas das pessoas por ali, ou até mesmo alguma das cassas próxima, era um risco que ele não estava disposto a correr, pois colocaria a vida de inocentes em risco.

Status
Spoiler:
 

Saltou alguns metros afastando do lugar fazendo com que as criaturas o seguissem, abrindo uma passagem para as pessoas encurraladas pudessem sair de lá e entrasse em um dos caminhos que levavam aos abrigos. Fazendo isso abdicou de atacar, e seu plano deu certo, pois no momento em que se afastou de seus inimigos eles o seguiram em um ataque atroz e destrutivo. Muito ferido não conseguia esquivar-se de todos os ataques e acabou quase caído ao chão. Neste momento a mulher grávida que já estava entrando na passagem, não pode deixar aquele garotinho morrer ali e arremessou uma pedra em uma das criaturas próximas. – Deixe-o em paz!

Status
Spoiler:
 

Caled olhava aquela cena, seu coração acelerado pela adrenalina do confronto bateu ainda mais rápido. Agora aquela mulher estaria em risco, pois as criaturas não iriam deixá-la ir. Olhou em volta e não avistou ninguém passando por perto, foi quando arriscou a utilizar um de seus melhores jutsus que era o jutsu básico e orgulho do clã, - Katon – Goukakyuu no Jutsu. Acertando todas, exceto uma que tinha se afastado para atacar à gestante. – Droga! Demorei demais... E neste momento a mini besta dava um ataque com uma de suas garras nas costas da mulher.

Jutsu
Spoiler:
 

Status
Spoiler:
 

- Não! Gritava o gennin enquanto toda aquela emoção passava por sua cabeça, e neste momento foi que ele descobriu a resposta da pergunta de sua tia e mestra. “A senhora me perguntou para quê eu quero ser um ninja e agora eu sei a resposta. Quero ser um ninja para proteger as pessoas que amo.” Foi neste instante que seus olhos tomavam a forma do Sharingan. A linhagem sanguínea despertava cedo naquele menino tão inseguro e cheio de sentimentos para um shinobi.

A mulher encontrava-se desacordada ao chão e a besta agora olhava para o garoto de forma direta, não que ela tivesse algum tive de sentimento de satisfação, pois parecia algo programado, instintivo, natural. Mas a partir do momento que seus olhos se cruzaram, foi o momento em que ele venceu a luta, desferindo um de seus genjutsus contra ela que não tinha a menor chance de resistir e caiu em sono profundo.

Jutsu
Spoiler:
 

Correu em direção à mulher e a pegou nos braços, percebeu que ela ainda respirava, pensou em levá-la ao hospital, mas não havia como, porque o caminho era perigo e ele sabia que no abrigo existiam pessoas que poderiam ajudá-los. Entrou em uma das passagens com ela nos braços e foi direto a um dos abrigos receber auxílio.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gennin - Konoha
Gennin - Konoha

avatar


O meu nome é
Nero


Mensagens : 6668
Data de inscrição : 04/02/2010
Idade : 32



Ficha do personagem
Vida Vida:
100/1000  (100/1000)
Chakra Chakra:
80/500  (80/500)
Stamina Stamina:
50/500  (50/500)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Sab Abr 27, 2013 4:08 pm

Aprovado o despertar!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gennin - Konoha
Gennin - Konoha

avatar


O meu nome é
Yuu


Mensagens : 50
Data de inscrição : 29/12/2009
Idade : 31
Localização : go



Ficha do personagem
Vida Vida:
130/600  (130/600)
Chakra Chakra:
100/300  (100/300)
Stamina Stamina:
45/300  (45/300)

MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha Sex Abr 18, 2014 12:44 am

Konoha continuava em seu tempo de paz, nenhuma guerra em vista, nenhum conflito com outras nações, nenhuma perseguição, infiltração, nenhuma missão... - Dia frio! - havia meses  que só fazia era treinar e treinar...
- Como esta frio hoje!- Ta certo que acabei de sair a pouco tempo da academia e ainda não sou experiente, mas...
- Esta muito frio!
- Já entendi, já entendi minha filha, mas não posso fazer nada. Temos que andar rápido com a nossa entrega e só depois voltamos para casa. Até lá sera que consegue ficar calada por um minuto?

Olha já viu meu pai nervoso, mas hoje ele ta bem irritado.Deve ser por causa deste frio, ainda esta muito longe do verão e esses dias frios são terríveis.

A cada duas semanas acompanhou meu pai até Konoha para entregar as encomendas de flores na principal floricultura da cidade. Venho de uma família que cultiva flores e para melhorar sou a unica kunoichi da família.

Já estávamos próximo da floricultura quando percebi algo de estranho, um pressentimento que alguém nos observava. Deste academia aprendi a confiar na existência de um sexto sentido, dos mal presságio, aqueles arrepios no pé da nuca, que isso tudo era sinal de que algo esta para acontecer.

Comecei andar devagar observando a multidão que aos poucos só ia aumentando, porém não detectei nada.

- Alarme falso. Devo esta imaginando coisas- disse voltando a andar um pouco rápido para alcançar meu pai,porém algo estava na minha frente parado olhando fixamente para mim.

A figura era pequena, fofa e bem peluda.Um gato de tom negro que portava uma fita azul no dorso do corpo e no seu pescoço uma outra fita negra que estava prendendo um cilindro.

- Mensagem!-lembrando que alguns ninjas utilizam animais para levarem mensagens, uma forma de disfarce.

Aproximei do gatinho e não pude resistir em da um forte aperto. - Kawaii!- deixei escapar.
Depois de muito resmungar pelo aperto carinhoso que dei o gatinho saiu correndo e desapareceu no meio do povo.

- Yuu vem logo. - meu pai já estava parado olhando de cara feia para mim.
- Pai sinto muito ,mas preciso ir em outro lugar. - disse ao terminar de ler a mensagem. - Não vou demorar muito ( eu acho), encontro com o senhor mais tarde.

Sai deixando meu pai puxando o carro de madeira em direção a floricultura. Peguei um desvio na rua principal indo direto ao prédio do Hokage. Não vou negar estava bem contente , mas também um pouco nervosa já que não estive em nenhuma missão a tempos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário



O meu nome é
Conteúdo patrocinado





MensagemAssunto: Re: Ruas de Konoha

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ruas de Konoha

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Shinobi Society :: 
»Vilas
 :: Konoha :: Cidade :: Cidade de konoha
-
Forumeiros.com | © phpBB | Fórum grátis de ajuda | Fale conosco | Assinalar uma queixa | Hospedagem de fórums